Já tenho alguns nomes para substituir a Erundina, diz Haddad

Débora Melo
Do UOL, em São Paulo

O pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, declarou, nesta terça-feira (19), que já tem alguns nomes para substituir a deputada federal Luiza Erundina em sua chapa. O petista, porém, não quis dizer quais são as suas opções.

A declaração foi dada minutos após o presidente nacional do PSB, o governador de PE Eduardo Campos, confirmar que Erundina havia desistido de ser a vice de Haddad.

“Nós vamos pensar o quanto antes [em um nome], aguardando também uma decisão final do PC do B, que está para ser anunciada”, disse Haddad.

Segundo a coluna de Mônica Bergamo, na “Folha de S.Paulo”, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem tentado convencer o vereador Netinho, pré-candidato a prefeito pelo PC do B, a desistir da candidatura e apoiar Haddad.

Questionado se Netinho seria um bom vice, Haddad disse esperar a decisão do partido. “Primeiro tenho que aguardar o PC do B se manifestar. Segundo, acho que não é essa a pretensão do Netinho”, afirmou.

Antes da confirmação oficial da saída da Erundina da chapa, Haddad havia dito que o PSB é quem precisava encontrar uma solução para o caso. “Vou respeitar qualquer que seja a decisão, mas o meu diálogo é com os partidos políticos. Quem ofereceu o nome da Erundina foi o Partido Socialista Brasileiro. Quem tem de encontrar uma solução é o Partido Socialista Brasileiro”, declarou.

O candidato petista disse ainda que Erundina nunca colocou condição para ser sua vice na chapa. "Não contávamos com a decisão [de Luiza Erundina]. Agora vamos analisar a situação com sobriedade", afirmou.

Após a confirmação da saída de Erundina, Haddad disse acreditar que o PSB seguirá em sua campanha. “O presidente do PSB, o governador de Pernambuco Eduardo Campos, me ligou e disse que PSB mantém todas as posições, inclusive a de apoiar a chapa que eu escolher”, afirmou. Haddad também afastou a possibilidade de oferecer a posição de vice na chapa para alguém do PP.

O petista afirmou ainda que não gostou da saída de Erundina. “Nós estavámos celebrando uma espécie de retorno da Erundina, mas respeito a decisão”, declarou.

A desistência de Erundina em ocupar o cargo de vice teve como principal motivo a entrada do PP, de Paulo Maluf, na aliança com o PT. Maluf e Erundina são rivais históricos.

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos